Homens entraram no Hospital Centenário de São Leopoldo e mataram o jovem Gabriel Minossi, de 19 anos, por engano na madrugada desta sexta-feira (09/11). O objetivo dos criminosos era executar Alex Junior Abreu Tubiana, um desafeto da quadrilha, que estava internado no mesmo hospital.
Câmeras de segurança mostram o exato momento em que eles entram no quarto do jovem Gabriel Minossi e o executam com diversos tiros. A direção do Hospital confirma que enviou um pedido de escolta à Brigada Militar, para o jovem Alex Junior, que sofria ameaças. O tenente-coronel Carlos Schultz Coelho alega que, depois de uma equipe da Brigada Militar conversar com o possível alvo e os familiares dele, decidiu manter uma ronda nos arredores do hospital e não viu necessidade de escolta.
O caso está sendo investigado pelo delegado Alexandro Quintão, da Delegacia de Polícia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DPHPP) de São Leopoldo.

Foto: Marceli Dutra