Foi divulgado nesta terça-feira (08), pelo Dieese, que Porto Alegre teve a terceira cesta básica mais cara do país em 2018. A capital fechou o ano com uma elevação de 8,9%. Dos treze produtos que compõem a cesta básica, oito ficaram mais caros.

O campeão do aumento é o tomate, seguido pela farinha de trigo, batata, pão, óleo de soja, manteiga, carne e leite. A cesta básica em Porto Alegre terminou o ano custando R$464,72. Um valor superior a 50% do salário mínimo líquido.

Apenas São Paulo e Rio de Janeiro apresentaram preços superiores aos da capital gaúcha. A pesquisa do Dieese é realizada mensalmente.

 

Imagem: Reprodução