O Internacional foi derrotado por 2×1 de virada pela Chapecoense na noite desta segunda-feira (17), na Arena Condá, em Santa Catarina. Podendo chegar a liderança isolada, o Colorado até começou melhor e abriu o placar aos 26 minutos do primeiro tempo com gol de Nico López, em penâlti sofrido por William Pottker. O time catarinense reagiu e chegou ao empate dez minutos depois, quando o cruzamento de Eduardo encontrou Leandro Pereira, que cabeceou para o fundo das redes de Marcelo Lomba.

Foi de pênalti que a Chape conseguiu a vitória. Aos 37 minutos da etapa complementar, Leandro Pereira chutou, a bola bateu no braço de Victor Cuesta e o árbitro Wagner Magalhães marcou a penalidade, convertida pelo artilheiro da noite. O zagueiro colorado recebeu o segundo amarelo e por consequência, o vermelho. O time de Odair Hellmann ainda teve a chance de empatar aos 49 minutos, quando Leandro Damião desperdiçou um pênalti que ele mesmo havia sofrido.

O Internacional ficou na segunda posição com 49 pontos, um atrás do São Paulo. O próximo desafio para os colorados é o Corinthians, em Itaquera, no domingo, às 16h. A Chapecoense chegou a 16ª colocação com 28 pontos, um a mais que o Ceará, time que abra a zona de rebaixamento e adversário dos catarinenses no próximo domingo, em Fortaleza.