Durante a partida na noite de ontem (29), entre Internacional e Juventude, o atacante Felipe Pires, relatou que sofreu ofensas racistas vindas de um torcedor do Internacional. Após o fim da partida, ambos os clubes emitiram uma nota oficial de repúdio e se colocaram à disposição das autoridades.

O episódio aconteceu durante o segundo tempo do confronto válido pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro. Na conclusão da partida, o atleta reafirmou o caso de injúria racial e prestou depoimento no Jecrim (Juizado Especial Criminal) do estádio Beira-Rio. 

O torcedor do Internacional logo foi identificado e conduzido para a delegacia para prestar depoimento. O acusado negou que tenha propagado falas racistas. O clube colorado, que entrou em campo com um patch em apoio a luta antirracista na camisa, divulgou logo após o termino da partida uma nota de repudio.

 

Nota de repudio do Internacional

Na noite desta segunda-feira (29/08), durante o segundo tempo da partida entre Inter e Juventude, o atleta Felipe Pires foi vítima de injúria racial no Beira-Rio. Diante do episódio, o Clube do Povo manifesta seu absoluto repúdio a todo e qualquer tipo de preconceito, e informa que, tão logo ocorreu a identificação do responsável pelo ato, o torcedor foi retirado das arquibancadas do Gigante e sofrerá sanções em função do comportamento inadequado.

O Internacional está ajudando as autoridades na apuração dos fatos, e reitera seu apoio ao Juventude e ao atleta. O Clube lamenta que o episódio tenha ocorrido na partida de hoje, quando o time atuou com com a camisa preta e um patch antirracismo, elaborado pela CBF, estampado em seu novo uniforme.

Nota de repudio do Juventude

O Esporte Clube Juventude reitera seu repúdio para com todo e qualquer tipo de ato racista ou discriminatório. Na noite desta segunda-feira (29), ao minuto 36 do segundo tempo da partida diante do Internacional, no estádio Beira-Rio, o atleta Felipe Pires foi alvo de insultos racistas de um torcedor do Internacional, que foi prontamente identificado pela segurança do clube mandante.

Ao final da partida, com total apoio jurídico do Juventude, o atleta registrou Boletim de Ocorrência no JECRIM localizado no estádio Beira-Rio. O clube seguirá absolutamente atento ao caso e prestando todo o apoio necessário a Felipe Pires.

Fernando Alves/E.C.Juventude
Compartilhe essa notícia: