Nesta segunda-feira, o presidente do Inter Marcelo Medeiros poderá falar em nome do Grêmio em uma reunião na CBF. Foi o que o mandatário colorado afirmou após a vitória sobre o Fluminense.

O encontro vai envolver  os clubes brasileiros que estão classificados para a próxima Libertadores da América e tem na pauta temos como cotas de TV, arbitragem de vídeo, logística e segurança das equipes visitantes.

A discussão foi proposta pelo presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Melo. Quatro confirmaram presença,  Cruzeiro, Palmeiras e Internacional, além, é claro, do rubro-negro carioca.

O presidente Romildo Bolzan também iria participar, mas problemas com o voo que levariam o dirigente à Bahia, onde o tricolor empatou com o Vitória mudaram os seus planos.

Ele entrou em contato com Medeiros e pediu que o colorado também representasse o Grêmio.

“Conheço o Romildo há 40 anos, frequentamos a mesma escola”, comentou o presidente do Inter.

Medeiros ainda ressaltou que as duas diretorias costumam estar bem alinhadas, tanto em reuniões com patrocinadores, como na CBF. “Acho que a rivalidade precisa ficar dentro das quatro linhas”, resumiu o presidente.

 

Foto: