Grêmio e Chapecoense se enfrentam novamente na noite desta terça-feira (26), às 18h30min, na Arena Condá. Em partida válida pela 21ª rodada da Série B, o jogo marca o reencontro das duas equipes, que se enfrentaram logo no início da competição. Desde então, muita coisa mudou do lado Tricolor, que agora se encontra em longa fase invicta e dentro do G-4.

O Grêmio recebeu a Chape na segunda rodada, sendo derrotado pelo placar de 1 a 0. Vindo de um empate em uma atuação fraca diante da Ponte Preta, perder dentro de casa foi um golpe duro para a torcida Tricolor. Muito se falava do desempenho necessário além do tático e do técnico na Série B, e os dois jogos sem vitórias evidenciaram que o time não estava adequado à realidade do campeonato. Vivendo outro momento agora, o clube contou com mudanças na tática, no elenco e principalmente na tabela.

Na ocasião, Rodrigues ainda era utilizado na função de lateral-direito, sendo titular ao lado de Diogo Barbosa pela esquerda, já que Nicolas ainda não havia sido contratado. Elias era titular, Brenno ainda não havia se lesionado e o Grêmio viria a perder Ferreira por um longo período após a partida. O elenco ainda contava com Benítez e Ricardinho (que saíram recentemente) e nem era possível imaginar reforços como Guilherme, Thaciano e principalmente Lucas Leiva. Roger chegou a mexer diversas vezes na formação do time, inicialmente utilizando um 4-3-3, passando por um 4-4-2 e até utilizando uma saída com três zagueiros com alas.

Invicto há 14 jogos, o time agora ocupa a segunda colocação na tabela. O clube passa por um novo momento que, mesmo com críticas, traz maior tranquilidade para o torcedor sobre o acesso no final do ano. O Grêmio que perdia para a Chape dentro de casa em abril, hoje é o favorito para enfrentar o Verdão do Oeste em sua própria casa.

Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Compartilhe essa notícia: