Após a eliminação para o Melgar na Sul-Americana, a equipe do Internacional volta todas suas atenções à disputa do Campeonato Brasileiro. Pela 23ª rodada, o time de Mano Menezes viaja para Santa Catarina para enfrentar o Avaí, que chegou a surpreender no início do ano, mas hoje vive seu pior momento.   

O Avaí atualmente abre a zona de rebaixamento, posicionado na 17ª colocação com 23 pontos. Nas últimas dez partidas, a equipe de Eduardo Barroca conquistou apenas uma vitória, diante do Santos, e soma uma extensa lista de derrotas: seis no total. A má fase passa principalmente por uma queda de rendimento da defesa: no período, a equipe sofreu dezoito gols e utilizou quatro formações diferentes de zaga, atualmente composta por Rafael Vaz e Bressan.

A queda de rendimento do time é um tanto surpreendente, considerando o ótimo início de Brasileirão que teve. Na quinta rodada, a equipe somava três vitórias, um empate (contra o próprio Internacional no Beira-Rio) e uma derrota, chegando a ocupar a terceira colocação. Depois, o rendimento da equipe foi decaindo e sua posição na tabela era sustentada pelo desempenho inicial, que com o passar do tempo se mostrou insuficiente. Para mensurar, quase metade da pontuação atual da equipe foi conquistada nas cinco primeiras partidas.

Sendo o segundo pior visitante do Brasileirão, o time de Barroca busca se manter vivo a partir das atuações em casa. Com 54,5% de aproveitamento na Ressacada, a equipe busca melhorar o desempenho recente, já que conta com apenas uma vitória nos últimos cinco jogos.

Foto: Fabiano Rateke/Avaí

Compartilhe essa notícia: