Djenifer Becker, de 24 anos é o segundo reforço das Gurias Coloradas para a temporada de 2020. Capitã e maior artilheira da história do Esporte Clube Iranduba da Amazônia, uma das principais equipes de futebol feminino do Brasil, sendo o único time do interior a representar o Amazonas em competições nacionais da extinta Copa do Brasil de Futebol Feminino, participando em todas as edições, e no Campeonato Brasileiro. Fora isso, também é um dos clubes fundadores da Liga Feminina Brasileira de Futebol (LFBF).

“É uma satisfação enorme poder fazer parte da nação colorada, uma camisa pesada e tradicionalíssima no futebol. Estou chegando para somar, para conquistar títulos e elevar ainda mais o nível do Internacional no futebol feminino”, projeta a meio-campista.

A jogadora passou por clubes como Kindermann-SC, onde conquistou cinco vezes o Campeonato Catarinense, de 2010 á 2014, a Copa do Brasil em 2015 e foi vice-campeã do Brasileirão de 2014. Em 2015 foi para o São Paulo e no mesmo ano foi jogar pelo São José-SP, onde foi novamente vice-campeã brasileira. E no ano de 2016, foi para o Iranduba-AM onde se consagrou a maior artilheira do clube amazonense, e somou mais três títulos em sua carreira.

Além disso, desde 2012 faz parte da Seleção Brasileira, por onde passou pelas categorias Sub-17, Sub-20 e principal. Em 2012 venceu o Sul-Americano Sub-17 e o Sul-Americano Sub-20 em 2014. Pela Seleção principal, venceu o Torneio Internacional de Yongchuan, na China.

Reportagem: Vitória Karoline

Foto: Lucas Figueiredo/CBF