O governo do Estado apresentou nesta quinta-feira (20), o primeiro plano de segurança pública para os próximos dez anos, nomeado como Planejamento Estratégico 2019-2029. O projeto elaborado por equipes técnicas, visa instituir uma política de Segurança Pública que permite garantir a continuidade de projetos estratégicos mesmo com mudanças de governo.

Entre as ações do plano, está a criação de apenas um número telefônico para atender todos os serviços de emergência, já decretado pelo governador José Ivo Sartori. O Rio Grande do Sul será o primeiro Estado brasileiro a adotar o padrão telefônico 911, vigente em países como o Estados Unidos e Canadá. No entanto, os atuais números de emergência conhecidos pela população serão mantidos até encerrar o período de unificação dos serviços de emergência.

O secretário da Segurança Pública, Cezar Schirmer, destaca a necessidade de unir as centrais de emergências. “As instituições estão conscientes de que um sistema de segurança que funciona de forma integrada, sendo assim, precisa facilitar a vida do cidadão. Este é um passo decisivo para a melhoria da prestação dos serviços”, afirma.

O documento será protocolado na Assembleia Legislativa para deliberação e votação do parlamento gaúcho no próximo ano.

 

Foto: Luiz Chaves/Palácio Piratini