A Fundação de Atendimento Socioeducativo (Fase) anunciou os resultados dos internos nas provas do do Exame Nacional de Certificação de Competências de Jovens e Adultos na modalidade voltada para Pessoas Privadas de Liberdade (Encceja PPL).

Dos 160 adolescentes da Fase inscritos no Ensino Médio, 30 atingiram a aprovação em caráter total e 107 de modo parcial, um total de 137 jovens, equivalente a 86,8%. Este é o maior índice da modalidade na história da Fundação. O destaque entra as unidades gaúchas foi o Centro de Atendimento Socioeducativo de Novo Hamburgo, com seis aprovações totais e outras 38 parciais.

Já no Ensino Fundamental, 445 realizaram a prova, entre eles 25 conquistaram a aprovação total e 236 a parcial, um índice de 58,6%. O Centro de Atendimento Socioeducativo de Caxias do Sul, com a Escola Estadual Paulo Freire, teve sete alunos aprovados na integralidade.

A aprovação total é alcançada pelos alunos que atingem a nota mínima em todas as áreas de conhecimento e recebem o certificado de conclusão. A parcial é para aqueles que são aprovados em apenas algumas áreas, e ficam dispensados delas no ano seguinte.

 

Foto: Marcelo Vaz/Fase