Simers/DivulgaçãoA população da Capital e da região Metropolitana recebeu uma boa notícia nesta segunda-feira (09). O Hospital Beneficência Portuguesa não fechará as portas e retomará o atendimento ao público em 1º de agosto. A Associação Beneficência São Miguel assumiu a administração pelos próximos cinco anos.

O hospital conta com 213 leitos e, na fase inicial, reabrirá com 62 leitos para pacientes da rede privada. Desde o ano passado, a tradicional instituição hospitalar passa pela pior crise financeira de toda a sua história de 159 anos. São pelo menos R$ 100 milhões em dívidas.

Nos últimos meses, nem os funcionários estão recebendo os salários em dia. Com a nova gestão, a ideia é que esses colaboradores continuem atuando.

Em 2018, foram realizadas diversas campanhas junto à população para salvar o hospital, que atendeu o primeiro paciente em 1859. O presidente do Sindicato Médico do Rio Grande do Sul (Simers) Paulo de Argolo Mendes agradeceu o apoio da mídia e da comunidade gaúcha. “A luta agora é abrir leitos para atendimento a pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS)”, afirmou.

O Beneficência fica na Avenida Independência, 270, no Centro Histórico de Porto Alegre.