O Ministério da Segurança Pública realizou hoje uma operação no Brasil e também na Argentina contra o abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes. Essa é a terceira etapa da operação Luz na Infância.

As ações aconteceram no Distrito Federal e em mais 12 estados brasileiros. Nesta quinta-feira, foram cumpridos 69 mandados de busca e apreensão. Na cidade de Buenos Aires, na Argentina, 41 mandados também foram realizados.

Os alvos internacionais foram identificados após atuação conjunta entre a diretoria de inteligência da Secretaria Nacional de Segurança Pública e autoridades policiais da Argentina, que mobilizaram um efetivo aproximado de mais de mil policiais.

A operação, que teve início em outubro de 2017, na sua primeira ação prendeu 112 pessoas. A segunda edição, ocorrida em maio de 2018, resultou na prisão de 251 pessoas. No Rio Grande do Sul, foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão em Porto Alegre, Santa Maria e Pelotas. Duas pessoas foram presas em flagrante por armazenamento de material pornográfico em Santa Maria e Pelotas.

 

Foto: Divulgação/reprodução