A Unidade de Saúde Vila Elizabeth, no bairro Rubem Berta, foi reaberta nesta quarta-feira (13). As atividades haviam sido transferidas em 07 de dezembro para a Unidade de Saúde Ramos após reformas no local. Mais três unidades de saúde também foram afetadas.

O atendimento na unidade foi retomado às 08h. A estrutura conta 163 metros quadrados, atendendo uma população de 3,4 mil pessoas. Ao todo, a equipe é formada por três médicas, enfermeiras, técnicas de enfermagem e agentes de saúde.

Na segunda-feira (11), a promotora de Justiça do Núcleo da Saúde da Promotoria de Defesa dos Direitos Humanos de Porto Alegre, Márcia Rosana Cabral Bento, participou de videoconferência com o procurador-geral do Município de Porto Alegre, Roberto Silva da Rocha, o secretário municipal da Saúde, Mauro Sparta, e a coordenadora da Atenção Primária da SMS, Jaqueline Beiró, para discutir a reabertura da unidade. 

As unidades Jenor Jarros (Rubem Berta), Laranjeiras (Alto Petrópolis) e Pitinga (Restinga), que estão fechadas, deverão passar por reformas com duração prevista de 60 dias.

A pedido do Ministério Público, em dezembro de 2020, a Justiça determinou a reabertura imediata das unidades no prazo de 72h. Além disso, também foi exigido que a Secretaria Municipal de Saúde apresentasse, em 15 dias, o parecer técnico com detalhes de limitações físicas, estruturais e de pessoal das Unidades de Saúde Ramos, Clínica de Saúde da Família José Mauro Ceratti Lopes, US Morro Santana e US Nova Brasília, que receberam as transferências dos atendimentos.

Foto: Cristine Rochol / PMPA

Compartilhe essa notícia: