A artista Magna Sperb inaugura, nesta terça (5), a exposição Magna Sperb/ Pele e Sombra, no Museu de Arte do Rio Grande do Sul (Margs).

A mostra traz tapeçarias metálicas finas e delicadas que, colocadas sob a luz, projetam sombras em formas de desenhos, sugerindo movimento e leveza. Entre os elementos inspirados estão tramas, redes, telas, panos, cipós, galhos, cascas, raízes, teias e ninhos.

Magna Sperb é reconhecida pelo trabalho no campo do desenho, da pintura, da fotografia e da escultura. Nesta exposição, a artista partiu dos estudos de tramas para criar as esculturas de Pele e Sombra.

Ela Redesenha essas tramas e as tece digitalmente, para trabalhar em seguida o aço carbono com corte a laser. Na textura, Magna trabalha com as mãos, dobrando e amassando as peças. Após esse processo são expostas às intempéries do tempo.

A artista afirma que as suas  esculturas são intencionalmente incorporadas à própria sombra e que valorizar tanto a sombra como a forma é aceitar e compreender que cada coisa é muito mais do que se vê e se percebe.

 

A exposição

Abertura: dia 5 de fevereiro de 2019, às 18h30

Visitação: de 6 de fevereiro a 12 de maio de 2019

Horário: de terça a domingo, das 10h às 19h

Artista: Magna Sperb

Curadoria: André Venzon

Local: Sala Iberê Camargo, 2°andar MARGS – Museu de Arte do Rio Grande do Sul

Praça da Alfândega – Centro Histórico – Porto Alegre- RS

Entrada Franca

Foto: Denise Wichmann