A Pinacoteca Aldo Locatelli, museu instalado no Paço Municipal (Praça Montevidéu, 10), abre mostra em alusão aos 140 anos da morte de um dos mais importantes artistas brasileiros do século XIX,  Manuel de Araújo Porto-Alegre (1806 – 1879), o Barão de Santo Ângelo. A mostra O Barão no Paço será inaugurada nesta quinta-feira, 23, às 18h30, e poderá ser visitada até o dia 13 de março, sempre de segunda a sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h30 às 18h (último acesso às 17h30). A entrada é franca.

Reunindo desenhos e pinturas originais de diversas coleções sediadas em Porto Alegre, a exposição retoma a trajetória de um gaúcho considerado fundamental no desenvolvimento das artes plásticas e da literatura no Brasil Imperial.

Paulo Gomes é o curador da mostra. “Temos aqui uma exposição perfil, marcante, instigante e rica de possibilidades, memória viva de sua trajetória, lida agora à luz de sua biografia artística e literária. Estas obras notáveis, dentre as quais contamos os retratos, as paisagens, os estudos decorativos, os cenários, os estudos para pinturas e os estudos de vegetação dão para delinear um retrato do intelectual do Segundo Império brasileiro”, comenta Gomes.

Serviço:
O Barão no Paço – obras de Manuel de Araújo Porto-Alegre em coleções locais
Curadoria: Paulo Gomes
Abertura: 23 de janeiro, quinta-feira, das 18h30 às 21h
Local: Pinacoteca Aldo Locatelli  – Praça Montevidéu, 10, Centro Histórico
Visitação: até 13 de março
Horário: de segunda a sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h30 às 18h (último acesso às 17h30)
Informações: acervo@portoalegre.rs.gov.br / (51) 3289-3735
Entrada franca

 

Reportagem: Paulo Beccon/ PMPA

Foto: Fabio Del Re e Carlos Stein/VivaFoto/DVG PMPA