Everton falou pela primeira vez sobre o gol perdido contra o River Plate na semifinal da Libertadores. O atacante disse que sequer conseguiu dormir direito na noite após a partida, ficou revendo os lances e remoendo a defesa do goleiro argentino.

“Eu fiquei chateado comigo mesmo porque eu sabia que não estava 100% naquela partida.”

Segundo Everton, o combinado com Renato é que ele só entraria caso a partida já estivesse praticamente decidida. E ele entrou apenas porque a vantagem já estava em dois gols.

“Eu entrei mesmo para pegar o ritmo, voltando a jogar depois de três semanas.”

Everton contou que não tinha treinado nenhum dia com o grupo de jogadores. Ficou apenas se recuperando. Ele não tinha boas condições físicas naquela partida.

“Mas creio que é passado, a gente tem que levantar a cabeça porque tem muita água para rolar ainda.”