Nesta terça-feira, o Grêmio enfrenta o Atlético Tucumán na Argentina, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa Libertadores. O confronto não será fácil, o adversário é o segundo colocado do Campeonato Argentino e nunca chegou tão longe na competição.

O atacante Éverton falou sobre a dificuldade que o Tricolor espera encontrar. “A gente sabe da dificuldade de jogar aqui, a equipe deles está passando por esta fase, pela primeira vez, vai ser um jogo bem difícil, vai ser o jogo da vida deles, com o apoio da torcida, mas a gente tem que entrar concentrado e levar um bom resultado”, analisou.

O técnico Renato Portaluppi faz mistérios sobre a escalação e só ira divulgar minutos antes da partida. Com as ausências de Jael e André lesionados, o comandante gremista tem duas opções mais prováveis. Ele pode colocar Thaciano no meio, adiantando Luan como um falso nove. Outra possibilidade é a entrada de Alisson no ataque.

O jogo de volta está marcado para o dia 2 de outubro, na Arena. Se passar pelo Atlético Tucumán, o tricolor enfrentará o vencedor do confronto entre Independiente e River Plate.

 

Foto: Lucas Uebel/ Grêmio