Começa no sábado (12), na zona sul de Porto Alegre um dos eventos mais tradicionais da capital, a 28ª Festa da Uva e da Ameixa. A abertura será às 20h e a entrada é gratuita.

A Festa da Uva e da Ameixa é uma realização dos produtores rurais, da Associação Comunitária Belém Velho (Ascobev) e do CTG Estância da Figueira, com o apoio institucional da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (SMDE), Emater/Ascar e do Sindicato Rural de Porto Alegre.

A festa conta com bancas para comercialização de frutas, flores, artesanato, além de apresentações musicais e danças.

O Sindicato Rural, a capital contabiliza 760 produtores de diversos produtos cadastrados. Estes produtores recebem a assistência dos técnicos do Centro Agrícola Demonstrativo (CAD) da SMDE e da Emater.

“A fruticultura é uma das principais atividades agrícolas da Capital, favorecida pelo microclima da zona rural que, aliado ao solo e à topografia, contribui para a produção de frutas de qualidade”, explica o chefe da Divisão de Fomento Agropecuário (DFA) da SMDE, Oscar Pellicioli.

Segundo a prefeitura, a previsão é que a safra deste ano chegue a 120 toneladas de uva e 100 toneladas de ameixa.

É possível encontrar as frutas na área central da cidade, onde também serão comercializadas, para facilitar o acesso e o escoamento da safra. Os produtos estão na Praça Parobé, ao lado do Largo Glênio Peres, no Centro Histórico. A feira funciona durante o mês de janeiro e fevereiro, de segunda a sexta, das 8h às 20h.

Foto: Cristine Rochol/ Divulgação PMPA