O curta metragem “A Ética das hienas” do diretor e roteirista Rodolpho de Barros, promove a discussão sobre justiça e corrupção. Sua exibição está prevista para o dia 22 de agosto, as 18h pela mostra competitiva. 

A obra foi construída com recursos do Edital Walfredo Rodriguez de Produção Audiovisual, da Prefeitura Municipal de João Pessoa, e também contou com parceria Argentina para a coprodução. 

O curta foi gravado em João Pessoa e Campina Grande em 2017 e em janeiro deste ano, estreou no 22º Festival de Tiradentes. 

A trama aborda uma fraude ocorrida no setor de perícia do trabalho e todos os acordos e esquemas por trás disto. O título irá concorrer com outros 13 competidores na categoria Curtas Brasileiros. 

Foto: Divulgação