A derrota diante do ABC foi a gota final para o trabalho de Jerson Testoni à frente do Brasil de Pelotas. Em nota, o clube anunciou o desligamento do profissional e do preparador físico Marcos Abella. Apesar de chegar até as semis do Gauchão, o Xavante está na vice-lanterna da Série C.

Na competição nacional, Testoni comandou o Brasil em oito jogos e obteve apenas uma vitória. Foram três empates e quatro derrotas, com cinco gols marcados e doze sofridos, amargurando a 19ª posição.

Testoni deixa o Xavante após oito meses no comando do time. De acordo com o clube, a decisão foi tomada em comum acordo entre o treinador e a direção. O time de Pelotas encerra a nota agradecendo pelos trabalhos prestados e desejando sucesso para os profissionais.

Foto: Volmer Perez/G.E Brasil de Pelotas

 

Compartilhe essa notícia: